Versão Digital - Os princípios básicos do treinamento mental e sua aplicação em natação


Versão impressa original em: Bonachella V. O poder mental do nadador esportista. Nadar Rev Bras Esp Aquat 1992; 48:12


O nadador Vladimir Salnikov

Figura. Vladimir Salnikov (primeiro nadador a quebrar a marca dos 15 minutos nos 1500 livre) quando treinou em Leningrado, atual São Petersburgo, junto com a seleção da URSS, foi orientado pelo psicólogo Gorbonov, que ensinava aos atletas a controlar as emoções, uma espécie de treino psicológico (1)


Os princípios básicos do treinamento mental e sua aplicação em natação

Vicente Bonachella*

* Professor de Natação e Hidroginástica da Universidade Católica de Santos

Palavras-chave: treinamento mental, relaxamento, mentalização, psicologia desportiva

https://n2t.net/ark:/21207/NADAR.v2i165.16

RESUMO

A psicologia tem dado uma grande contribuição à natação quanto a otimização nos processos de aprendizagem e de competição. O princípio básico do treinamento mental já foi utilizado de forma mais ou menos intuitiva por nadadores, professores e técnicos com a finalidade de obterem bons resultados, tanto na aprendizagem quanto na competição.

INTRODUÇÃO

Na Alemanha e países do leste europeu (1) o princípio do treinamento mental é conhecido desde os anos 50 (2). E a partir do final dos anos 60 aparecem inúmeras publicações sobre o treinamento mental nestes países e também nos Estados Unidos, especialmente aplicado aos esportes individuais, incluindo a natação, disseminando técnicas utilizadas até hoje em dia.

Meinel (3) define imaginação do movimento da seguinte forma:

'...apresenta a reprodução de um ato motor através de um processo de pensamento ou através de associação de sinais verbais, sendo essencial neste caso o fato de que a imaginação de um movimento deve ser entendida como a imaginação de um processo'.

Desta definição pode-se fazer a seguinte análise de critérios:

1°) A imaginação de movimento é desencadeada através da instrução, seja esta de origem interna ou externa. Exemplo: o professor diz ao aluno para imaginar a braçada no nado livre. Haverá associação entre a imaginação do movimento, a palavra e a imagem;
2°) Os processos de pensamentos e de imaginação estão intimamente associados;
3°) A imaginação de movimento é a reprodução interna de um ato de movimento externo.

A imaginação genuína de um movimento é um ato ideomotor, daí se entende que um movimento imaginado é executado mentalmente produzindo micro contrações das fibras musculares, que em natação se caracteriza quando se imagina disputando uma prova de velocidade, por exemplo.

A base desta forma de treinamento é a constante comunicação entre o instrutor e o nadador, onde os detalhes do aprendizado ou treinamento são colocados e analisados, fixando metas.

Segundo Ulich, citado por Samulski (4) o treinamento mental é uma imaginação de forma planejada, repetida e consciente das habilidades sensório-motoras que vão ser apreendidas.

Podemos destacar a partir desta segunda definição:

1°) A repetição planejada dos processos imaginados;
2°) A ação de imaginar conscientemente e de forma planejada;
3°) A imaginação de uma habilidade sensório-motora.

Os objetos do treinamento mental em natação são as técnicas de execuções e as ações automatizadas dos estilos. O professor Ulich diferencia e apresenta as formas de treinamento mental, considerando-se como treinamento cognitivo e treinamento imaginativo:

1°) O treinamento cognitivo - trata do pensamento de uma habilidade sensório-motora, como por exemplo a análise das execuções e sequências individuais de um movimento de determinado estilo;
2°) O treinamento imaginativo - sendo a auto imaginação planejada, repetida e consciente de uma habilidade sensório-motora ou de uma situação onde o nadador imagina o movimento em suas sequências.

REQUISITO PARA O TREINAMENTO MENTAL

O requisito para um treinamento mental de sucesso é a prévia informação, que poderá ser através da comunicação verbal, filmes, demonstração, etc. A realização do treinamento mental na fase de aprendizagem pode ser dividida em 2 etapas:

1°) O movimento é imaginado de forma tão intensa que o nadador realiza com vivência própria;
2°) Ele se depara em pensamento com a execução do movimento e com as consequentes dificuldades (cognição).

APLICAÇÃO DO TREINAMENTO MENTAL - TM

A aplicação do treinamento mental visa o aperfeiçoamento de habilidades sensório-motoras de treinamento, onde o nadador imagina algumas vezes os movimentos a serem executados durante a prova.

Inicialmente, recomenda-se que o TM seja feito a noite antes de dormir e pela manhã, logo após acordar, antes mesmo de sair da cama. Depois de algumas sessões pode-se fazer o TM em qualquer local e horário, até mesmo antes e durante o treinamento diário.

1°) Antes de iniciar o TM deve-se inspirar e expirar duas vezes profunda e lentamente;
2°) Procure sentir-se relaxado, descontraído, calmo, tranquilo;
3°) Feche os olhos, continue respirando normal e mentalmente repita algumas das frases abaixo ou outras que você quiser, três a quatro vezes cada frase, durante aproximadamente 10 minutos - Estou bem fisicamente, estou bem fisicamente... - Minha braçada está ótima, minha braçada está ótima... - Vou virar bem, vou virar bem, ... - Meu batimento de pernas está ótimo, meu batimento de pernas está ótimo,... - Vou abaixar meu tempo, Vou abaixar meu tempo.

Durante o sono o seu pré consciente vai trabalhar essas frases, acatar suas ordens. Ao despertar volte a mentalizar as mesmas frases da noite anterior e durante o treinamento na piscina, procure usar a mentalização feita, sentirá um pouco de dificuldade inicialmente, depois ficará fácil, tudo é treinamento, inclusive o mental.

COMO FUNCIONA SUA MENTE

A mente é dividida em mente consciente e pré consciente, a mente consciente é a mente racional, objetiva é a que pensa, analisa, raciocina, deduz, tira conclusões, censura, dá ordens, imagina, etc. É a responsável pelo que você é.

A pré consciente é a mente subjetiva, impessoal, não seletiva, cujo papel é cumprir as ordens que recebe da mente consciente através do pensamento, tudo que a mente consciente aceita como verdadeiro, a mente pré consciente também aceita e realiza.

A mente pré consciente tem força infinita, capaz de realizar todos os desejos, mas nunca age por conta, ela age de modo especial, determinada pelo pensamento consciente, que dá ordem e o pré consciente cumpre; por isso você é o resultado de seus pensamentos. Se ele for positivo, terá bons resultados, sucesso, se for negativo, fracassará em seus objetivos.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

1°) A imaginação de um movimento já produz o impulso para sua execução real.
2°) O treinamento mental produz uma melhoria da coordenação neuromuscular.
3°) O treinamento mental é uma realização interna de alguns movimentos, uma "antecipação de movimentos".
4°) Com o treinamento mental você diminui a carga psíquica.
5°) O treinamento mental pode ser feito em qualquer local.
6°) O movimento treinado tem um objetivo determinado.
7°) O treinamento mental requer exigências intelectuais, sendo necessário também muita concentração.
8°) O treinamento mental além de ajudar o nadador a concentrar-se na execução dos movimentos que deverá executar, elimina os estímulos perturbadores.

REFERÊNCIAS

(1) Rosa PF. A professora do Popov. Nadar Rev Bras Esp Aquat. 1995; 88:10-20

(2) Puni A C. Psihologicheskaya podgotovka sportsmena k sorevnovaniyu [Psychological preparation of athletes for a competition]. Theory and Practice of Physical Culture. 1963;2:52-56.

(3) Meinel K. Bewegungslehre: Versuch einer Theorie der sportlichen Bewegung unter pa¨dagogischem Aspekt. Berlin: Volk und Wissen; 1960.

(4) Samulski D. Imaginação do movimento e treinamento mental. Revista Brasileira de Educação Física e Desportos. 1980;12:4-12.


Estatísticas do Artigo

Stats

 


Apoio

Apoie a NADAR! Envie uma mensagem agora, para: NADAR@REVISTANADAR.COM